Nota Fiscal Eletrônica

Versão para impressão

O Projeto NF-e é um dos pilares do SPED (Sistema Público de Escrituração Digital), que incentiva os contribuintes a trocarem as notas fiscais pelas eletrônicas e facilita a comunicação com órgãos fiscalizadores e administrações tributárias (Receita Federal, Secretaria da Fazenda - Sefaz Estadual, etc).

A Serasa Experian desenvolveu o NF-e, um certificado digital específico para a emissão e o armazenamento de notas fiscais eletrônicas e de CT-e (Conhecimento de Transporte Eletrônico). O Certificado NF-e está disponível em quatro modelos para atender as necessidades de cada empresa:

NF-e A1

Instalado no Computador

O A1 é instalado no computador, como um software, e tem validade de 1 ano;

Certificado A1

A partir de R$ 292

em 6x de R$ 48,67

NF-e A3

Cartão Cartão +Leitora Token USB

O A3 é portátil e prático, disponibilizado em cartão ou token, com validade de 1, 2 ou 3 anos, dependendo da opção do cliente da Serasa Experian;

Certificado A3

A partir de R$ 526

em 12x de R$ 43,83

Certificado A3 para HSM

O A3 para HSM (Módulo de Segurança de Hardware, em inglês) é válido por 3 anos e indicado para as empresas com sistema centralizado, que precisam emitir um grande volume de notas se que já disponham de HSM;

Certificado A3 para HSM

A partir de R$ 1150

em 12x de R$ 95,83

Certificado Servidor NF-e

Certificado Servidor NF-e é válido por 1 ano e destinado a empresas com sistema integrado de emissão de nota. Usado para estabelecer conexões SSL, ele troca de maneira segura e criptografada dados entre o software ERP, entre outras funções.

Certificado Servidor NF-e

A partir de R$ 1890

em 6x de R$ 315,00

Vantagens do Certificado Digital NF-e:

Emissão de notas
Emitir notas fiscais eletrônicas;
Emitir CT-e
Emitir CT-e (Conhecimento de Transporte Eletrônicos), um documento digital armazenado eletronicamente, para fins fiscais. O CT-e é indicado para o transporte de cargas nos sistemas rodoviário, ferroviário, aéreo, dutoviário e aquaviário.
Obter o GED
Obter o GED (Gerenciamento Eletrônico de Documentos), que organiza os documentos emitidos pelo contribuinte;
Diminuir erros de escrituração
Diminuir erros de escrituração em razão do cadastro correto das informações;
Emitir o DANFE
Emitir o DANFE (Documento Auxiliar na Nota Fiscal Eletrônica);
Impulsionar o relacionamento seguro
Impulsionar o relacionamento seguro com os clientes ao estabelecer um contato virtual com informações confiáveis.
Emitir a Manifestação de Destinatário
Emitir a Manifestação de Destinatário, documento no qual o contribuinte que adquiriu a mercadoria indica se a recebeu corretamente e registra como “Ciência da Emissão”, “Confirmação da Operação”, “Desconhecimento da Operação” ou “Operação não Realizada”.
Nota Fiscal Gaúcha
A Nota Fiscal Gaúcha é um programa do Estado do Rio Grande do Sul com o objetivo de diminuir a sonegação fiscal e aumentar a arrecadação tributária. Saiba Mais
Nota Fiscal Paulista
A Nota Fiscal Paulista é um programa do Estado de São Paulo criado para estimular os comerciantes a entregar o documento fiscal na hora da compra. Saiba Mais
Nota Fiscal Paulistana
A Nota Fiscal Paulistana é um programa da cidade de São Paulo que incentiva os estabelecimentos comerciais a entregar o documento fiscal, chamado de Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e), no momento da compra. Saiba Mais

Vantagens do Projeto NF-e:

Eliminar a digitação
Eliminar a digitação das notas fiscais em papel na recepção de mercadorias;
Diminuir os gastos com papéis
Diminuir os gastos com papéis e o armazenamento de documentos fiscais ao emitir notas eletronicamente;
Reduzir o tempo de parada de caminhões
Reduzir o tempo de parada de caminhões em Postos Fiscais da Fronteira, simplificando a fiscalização em trânsito;
Simplificar as obrigações fiscais
Simplificar as obrigações fiscais, como a dispensa da AIDF (Autorização de Impressão de Documentos Fiscais);

Lista de produtos