Imagem do artigo

Conheça as formas de usar o Certificado Digital Corporativo

Avatar
Escrito por Certificado Digital
Nota dos leitores
para este artigo:
6.7

A utilização do Certificado Digital está em total conformidade com as demandas do meio empresarial, atualmente

A cada dia que passa tem aumentado o número de negócios que passaram a serem feitos no ambiente digital. Com isso, o uso de documentos digitais e a efetivação de contratos remotos tem se tornado uma realidade.

Neste contexto, o Certificado Digital vai ao encontro das expectativas desse momento.

Apesar de ser um modelo mais simplificado, esse tipo de Certificado oferece suporte para uma série de atos dentro das empresas, garantindo não só mais segurança aos processos, mas também, validade jurídica e mobilidade. Com a vantagem de ser uma alternativa mais acessível.

O Certificado Digital corporativo foi criado para dar suporte às operações empresariais de maneira interna. Ele apresenta alguns benefícios como segurança, agilidade e mobilidade a processos que dependam do manuseio de contratos e documentos eletrônicos.

Seu objetivo é garantir a validade jurídica dos procedimentos realizados internamente nos ambientes corporativos. Porém, a legislação estabelece que para isso acontecer é necessário um acordo prévio entre as partes em relação ao uso da tecnologia.

Conheça o e-CNPJ da Serasa Experian!

Verifique as formas em que seu uso é amplo

  1. Documentação de RH – Nos departamentos de Gestão de Pessoas, todos os registros podem ser assinados eletronicamente com uma certeza maior de autoria, uma vez que a identidade dos signatários foi validada por meio do Certificado Digital – o qual utiliza chaves criptográficas para isso.
  2. Assinaturas de contratos de Prestação de Serviço – O Certificado Digital corporativo também pode dar suporte para a efetivação de contratos com fornecedores, parceiros e prestadores de serviço. Nesses casos, a Assinatura Digital de atos e documentos, por exemplo, oferece mais segurança e a validade jurídica necessária.
  3. Gerenciamento de Franquias – a partir de arquivos eletrônicos, é possível romper com metodologias tradicionais, que antes dependiam de documentos impressos. Com isso, é possível reduzir gastos com o envio de documentos via postal, economizar tempo no trâmite de processos e reforçar a organização interna, digitalizando atividades.
  4. Assinatura de contratos de vendas – Na área comercial, os vendedores podem assinar suas propostas e contratos de forma muito mais ágil e simples a partir de uma plataforma de assinaturas, fazendo uso do Certificado Digital corporativo. Nesse sentido, a empresa consegue não só reforçar a segurança no fechamento das avenças, mas migrar para um formato mais moderno, baseado em assinaturas eletrônicas e documentos em formato totalmente digital.
  5. Autenticação de sistemas – A grande maioria das companhias utiliza o Certificado Digital para assinar documentos. No entanto, existe uma possibilidade que é pouco explorada, mas que é de grande utilidade: a centralização de logins de suas ferramentas em um único local. Isso traz mais agilidade e menos suporte para modificação de senhas de login por esquecimento.
  6. Encriptação de mensagens – A Certificação Digital pode garantir o sigilo das comunicações, a partir da criptografia das mensagens e da autenticação confiáveis das partes envolvidas, por exemplo.

Este artigo lhe foi útil?

Dê sua nota e comente abaixo:
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10

Obrigado pelo seu voto!

Ele será muito importante para nossa avaliação
Usamos cookies para personalizar o conteúdo, adaptar e medir anúncios, além de oferecer uma experiência mais segura a você. Ao continuar a navegação em nosso site, você concorda com o uso dessas informações. Leia nossa Política de Cookies e saiba mais.
×
Assine nossa newsletter | Assine a newsletter e receba as últimas novidades no seu email.