Imagem do artigo

CNH Digital: o que é e para que serve esse recurso?

Avatar
Escrito por Certificado Digital
Nota dos leitores
para este artigo:
10

Nos últimos anos, estamos testemunhando uma verdadeira revolução digital em diversos documentos e procedimentos antigos que existiam no Brasil. Nesse cenário de inovações disruptivas, temos o surgimento da CNH digital, um item que veio para ficar e vem ganhando milhares de adeptos.

Você já sabe como emitir esse tipo de documento, para que ele serve e como pode ser utilizado? Pensando na importância do assunto e na grande dúvida que existe na mente de algumas pessoas nós resolvemos escrever este conteúdo.

Nele, mostramos tudo o que você precisa saber sobre a CNH digital, desde o seu conceito, a sua finalidade e como ela pode ser emitida. Continue lendo!

O que é a CNH digital?

A CNH digital nada mais é do que a carteira de habilitação brasileira. Além do documento físico, ela também pode ser disponibilizada em meio digital. Esse processo de digitalização iniciou em 2018 em todo país. Até o final de 2020, cerca de 10 milhões de pessoas já contavam com a praticidade desse documento.

Ela funciona por meio de um aplicativo chamado Carteira Digital de Trânsito (CDT), que reúne diversos documentos digitais relacionados ao transporte que uma pessoa pode ter. Nele, temos a própria CNH digital e o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV), que também passou a ser digitalizado.

Para que serve a CNH digital?

A CNH digital tem a finalidade principal de demonstrar aos órgãos de fiscalização do trânsito a habilitação de um condutor para utilizar determinado tipo de veículo. Contudo, ela não serve apenas para isso. Trata-se de um documento oficial válido em todo território nacional.

A CNH digital pela internet pode ser aceita para fornecer dados e informações sobre o usuário. Afinal, nela constam números de documentos como CPF, identidade e filiação. Assim, ela pode ser gerada em PDF e impressa para ser utilizada como documento oficial com validade jurídica.

Além disso, também existe a possibilidade de utilizar esse documento para fazer a validação primária em certificados digitais. Por exemplo, a Serasa Experian já começou a fazer o processo de emissão por meio de videoconferência utilizando a consulta desse documento digital.

Com isso, todo o processo de emissão de certificado digital está mais seguro. Afinal, esse método de validação permite que os dados biométricos do usuário possam ser identificados na base de dados do Detran ou da própria Serasa. Assim, posteriormente, eles são validados durante a coleta de biometria.

Como adquirir a CNH digital?

Agora, mostraremos como você pode adquirir a sua CNH digital. Inicialmente, o processo era realizado inteiramente por meio do site do Detran de cada estado. É claro que no início já foi um grande avanço pois, antes, nem isso era possível.

Contudo, o Ministério das Cidades em conjunto ao Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN) desenvolveu uma ferramenta que facilitou muito a vida dos motoristas profissionais ou não. Foi criado o aplicativo que funciona em tablets e smartphones e comtempla a CNH digital.

O acesso é muito simples. Se a sua CNH impressa já está na versão mais recente — aquela com um QR Code impresso atrás —, já é possível acessar. Primeiro, faça o download do CDT no seu dispositivo. Em seguida, basta fazer o cadastramento no App. Você receberá um link para validar e ativar o seu cadastro.

Depois de ativado, já será possível logar no aplicativo. Quando estiver dentro dele, clique em “adicionar documento”. Depois, temos alguns passos adicionais a serem seguidos até, enfim, gerar a sua CNH digital. Isso porque, temos 3 meios de validação. São eles:

  • com certificado digital;
  • sem certificado digital;
  • pelo celular.

No primeiro caso, temos a CNH digital por meio de um certificado digital, que viabiliza toda segurança e confiabilidade que um e-CPF pode proporcionar. Nesse caso, você deve realizar os seguintes passos:

  • primeiro, clique no ícone verde que tem um sinal de + para incluir o documento digital de trânsito;
  • em seguida, clique na opção CNH digital e logo depois em “Possuindo certificado digital”;
  • automaticamente será aberto o navegador de internet do seu smartphone. Logo, você deve acessar o portal de serviços do Detran;
  • em seguida, faça o login com seu certificado digital e clique no ícone que contempla essa opção e pronto, sua CNH digital estará pronta para uso.

As demais opções devem ser feitas com a leitura do QR Code. Depois de identificar a sua habilitação impressa, o sistema exigirá uma espécie de prova de vida. Basicamente, você deve executar alguns movimentos solicitados pelo App para comprovar que se trata de uma pessoa real.

Em vista disso, o app pedirá a criação de uma senha de 4 dígitos, bem como uma chave de acesso. Ambas deverão ser informadas sempre que o documento digital for utilizado.

Onde fica o código de segurança da CNH?

O código de segurança da CNH é um número que fica na lateral esquerda do documento. Essa é uma das principais dúvidas sobre a CNH digital. Ele é formado por 10 dígitos e também pode ser encontrado no QR Code que fica atrás do documento.

Algumas pessoas confundem esse código com o número de registro. Tome cuidado, esse é o código que fica no canto inferior esquerdo e tem uma quantidade de dígitos maior que o mencionado anteriormente.

A CNH digital é um ambiente seguro?

Quando tratamos de documentos digitais, duas dúvidas surgem na mente das pessoas. A primeira é quanto à validade jurídica deles. A respeito disso, você já tem a resposta, tendo em vista todo processo de validação que é necessário para emitir a CNH digital.

O outro questionamento é quanto à segurança desse tipo de documento. Nesse caso, podemos afirmar que se trata de um processo muito seguro. A CNH digital possui um QR Code e um código de segurança que garantem a autenticidade das informações. Além disso, ela emprega a assinatura digital com a certificação do Detran, beneficiando também a validade jurídica do documento.

Dessa forma, o cadastro é feito presencialmente, utilizando um certificado digital ou por meio da biometria facial, assim, atestando a segurança e a veracidade do documento.

Como você pôde perceber, a CNH digital é uma inovação muito interessante e simples de ser adquirida. Portanto, agora que você já sabe como funciona o processo de emissão não perca mais tempo. Adquira logo o seu documento ou, atualize sua habilitação para ter acesso a essas funcionalidades.

Gostou deste conteúdo? Então amplie seu conhecimento e leia também este artigo sobre e-CPF e acesso à CNH digital!

Este artigo lhe foi útil?

Dê sua nota e comente abaixo:
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10

Obrigado pelo seu voto!

Ele será muito importante para nossa avaliação
Usamos cookies para personalizar o conteúdo, adaptar e medir anúncios, além de oferecer uma experiência mais segura a você. Ao continuar a navegação em nosso site, você concorda com o uso dessas informações. Leia nossa Política de Cookies e saiba mais.
×
Assine nossa newsletter | Assine a newsletter e receba as últimas novidades no seu email.